Avaliação psicológica de crianças com dificuldades de aprendizagem

Novo 
0
Acreditada pela ORDEM DOS PSICÓLOGOS
Destinatários 

Psicólogos
Finalistas do mestrado integrado de Psicologia e de 2ºs ciclos de Psicologia (desde que habilitados com 1ºciclo em Ciências Psicológicas ou Psicologia)

 

Objectivos 

Promover o desenvolvimento de competências relacionadas, para identificar dificuldades de aprendizagens mais comuns nas crianças, desde o pré-escolar até ao 1º,2º e 3º ciclos do ensino básico

Conhecer, seleccionar e aplicar os principais instrumentos destinados a avaliar as dificuldades de aprendizagem

Identificar, com base nos resultados da avaliação, a(s) dificuldade(s) de aprendizagem

Competências 

Conhecer e identificar precocemente as dificuldades de aprendizagem
Diferenciar os principais tipos de dificuldades de aprendizagem
Aprender a seleccionar os instrumentos adequados para a avaliação de cada tipo de dificuldade de aprendizagem
Aprender a avaliar crianças com dificuldades de aprendizagem, a retirar dos resultados dos instrumentos, os dados necessários para emitir conclusões em forma de relatório

Programa 

Módulo 1 (6h)-
Conceito de DAE
Fatores envolvidos na Aprendizagem
Despiste de DAE na idade pré-escolar, sinais e sintomas
Principais instrumentos de avaliação: Inteligência (WPPSI-R, Matrizes Coloridas CPM, Teste do Desenho da Figura Humana); Aptidões (Provas de diagnóstico pré-escolar; Bapae Bateria de Aptidões para a Aprendizagem Escolar, Frostig); Emocional (Prova Projectiva “Era Uma Vez”, Teste do Desenho da Família, Bar-I-Lan, Pata Negra); Desenvolvimento (GRIFFITHS 0-2 - Escala de Desenvolvimento Mental de Griffiths); Neurológicos (Teste dos labirintos de Porteus, Teste de Cópia de Figuras Complexas, Teste Gestáltico Visuomotor de Bender); Leitura e Escrita (TICL-Teste de Identificação de Competências Linguísticas, TALC-Teste de Avaliação da Linguagem na Criança); Questionários de Goodman
Critério para entrada antecipada no 1º ciclo
Critério para adiamento de matrícula no 1º ciclo

 

Módulo 2 (9h) -
Incapacidade intelectual
Sobredotação
Perturbação da Aprendizagem Especifica com défice de leitura (dislexia).
Perturbação da Aprendizagem Específica com défice de escrita (disortografia e disgrafia).
Perturbação da Aprendizagem Especifica com défice de cálculo (discalculia).
Perturbações Emocionais e Socioemocionais.
Perturbações da Actividade Motora (PHDA , PDA e DAMP)

 

Módulo 3 (7h)-
A entrevista
A construção da anamnese
A escolha dos testes
As conclusões
A devolução das conclusões
O relatório

 

Módulo 4 (2h)-
O Decreto-Lei 54/2018
A quem se destina
Avaliação de alunos elegíveis para o decreto-lei 54/2018
O PEI
O PIT
Medidas de suporte à inclusão

Metodologias 

Método expositivo
Método demonstrativo
Métodos de casos
Método activo

Duração 

24 horas

Formadores

Teresa Paula  Marques

(Doutorada em Psicologia da Educação pela Faculdade de Psicologia de Lisboa, mestre em Psicologia Clínica pelo ISPA- Instituto Universitário e  pós-graduada em Avaliação Psicológica em Contexto Escolar pela Faculdade de Psicologia de Lisboa)

Calendarização
Sábado, Janeiro 18, 2020 - 09:00 - 13:30
Sábado, Janeiro 25, 2020 - 09:00 - 13:30
Sábado, Fevereiro 1, 2020 - 09:00 - 13:30
Sábado, Fevereiro 8, 2020 - 09:00 - 13:30
Sábado, Fevereiro 15, 2020 - 09:00 - 13:30
Sábado, Fevereiro 15, 2020 - 14:30 - 16:30
Certificado 

Os formandos terão acesso a um certificado de formação em Avaliação Psicológica de Crianças com Dificuldades de Aprendizagem, desde que frequentem, pelo menos, 5 sessões de formação (90%), uma vez que se trata de formação presencial.

 

CREDITAÇÃO PELA ORDEM DOS PSICÓLOGOS

A obtenção dos créditos atribuídos pela Ordem dos Psicólogos (12 créditos nas especialidades gerais de Psicologia Clínica e da Saúde e de Psicologia da Educação) é exclusiva para membros efectivos e estagiários da OPP e supõe a realização com aproveitamento de avaliação das aprendizagens por teste final.

 

 

 

 

Inscrições 

Limitadas a 20 formandos

 

Totalidade Fraccionada
170€ 93€ x 2 mens.
Local 

Lisboa

Diversos 

No acto da inscrição é necessário comprovar habilitações

 

Em caso de desistência, só haverá lugar a reembolso quando for comunicada até 9 de Janeiro de 2020 (inclusive).