Envelhecimento activo

Novo 
0
Responsabilidades e desafios
Em colaboração com… 

 

    

 

Destinatários 

Psicólogos, enfermeiros, médicos, nutricionistas, assistentes sociais, animadores, terapeutas ocupacionais, psicomotricistas, fisioterapeutas, técnicos de reabilitação e inserção social e outros profissionais de saúde e reabilitação

Objectivos 

Aplicar na sua conduta profissional e pessoal os conceitos de envelhecimento activo, inovando na prestação de cuidados, sempre centrado na pessoa
Dinamizar a comunicação em rede entre todos os sectores prestadores de cuidado directos e indirectos, operacionalizando e promovendo o respeito pela individualidade, integridade e privacidade
Desenvolver trabalho de equipa, tendo em conta as metodologias de gestão do tempo, organização espacial e normas de segurança, centrada no cuidado à pessoa
Promover a auto-estima, autonomia, independência e saúde da pessoa, através de uma intervenção holística, quer dos profissionais quer da rede informal, combatendo estereótipos negativos ligados ao envelhecimento

Programa 

Conceito de envelhecimento ativo e novos paradigmas de prestação de cuidados (3h) - Reflexão: o que é a pessoa no centro do sistema. Múltiplos determinantes da saúde e do envelhecimento. Situações de fragilidade e doença mais frequentes. Conceitos de autonomia, deficiência e independência

 

Promover novas mentalidades face ao envelhecimento e longevidade e operacionalizar princípios de individualidade, integridade e privacidade (3h)- Combater estereótipos negativos ligados à idade. Comunicação com os utentes e entre todos os sectores prestadores de cuidados directos e indirectos. Perspectivas culturais, sociais e políticas do envelhecimento. Direitos e compromissos dos diferentes intervenientes

 

Capacitação organizacional na intervenção (3h)- Equipas multidisciplinares e planos de cuidados individuais. Gestão do tempo, organização dos espaços comuns e individuais e domótica. Prevenção de acidentes com utentes e com profissionais. Prevenção de acidentes nas instituições e no domicílio. Compromisso das famílias, parcerias e articulação com as diferentes instituições sociais.

 

Promoção da saúde, autonomia e independência (3h)- Animação cultural, estimulação sensorial e da memória, actividade e terapia ocupacional; quebrar a rotina. Promoção do autocuidado e da auto-estima. Prevenção do isolamento, depressão, abandono, negligência e mau trato. Outros aspectos da prevenção da doença e da dependência. Formação e informação dos utentes e envolvimento das famílias e mais directos prestadores de cuidados

Metodologias 

Metodologia activa, interrogativa, expositiva e demonstrativa

 

AVALIAÇÃO
Avaliação inicial (de diagnóstico)
Avaliação contínua (formativa e sumativa)
Avaliação final (sumativa).
O curso prevê uma avaliação de conhecimentos no final. Esta será feita através de testes ou trabalhos

Duração 

12 horas

Formadores

Maria João Quintela
Médica. Presidente da Associação Portuguesa de Psicogerontologia (APP), Presidente da AG da Federação das Instituições de Terceira Idade (FITI), Consultora da Direcção Geral de Saúde. Vice-Presidente da Sociedade Portuguesa de Geriatria e Gerontologia (SPGG), Vogal da Direcção da União Distrital de Lisboa das IPSS, da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) e da Confederação Nacional de Instituições de Solidariedade (CNIS)

Calendarização
Sábado, Novembro 30, 2019 - 10:00 - 13:00
Sábado, Novembro 30, 2019 - 14:00 - 17:00
Sábado, Dezembro 7, 2019 - 10:00 - 13:00
Sábado, Dezembro 7, 2019 - 10:00 - 17:00
Certificado 

Os formandos terão acesso a um certificado de formação em Envelhecimento Activo. Responsabilidades e Desafios, desde que frequentem, pelo menos, 3 sessões (90%), uma vez que se trata de formação presencial.

 

Acesso a diploma de pós-graduação
em Promoção do Bem-Estar do Idoso
Consulte: http://fa.ispa.pt/destaque/novas-pos-graduacoes-2019

Inscrições 

Limitadas a 20 formandos

 

Totalidade Fraccionado
130€ 72€ x 2 mens.
Local 

Lisboa

Diversos 

No acto de inscrição é necessário comprovar habilitações

Em caso de desistência só haverá lugar a devolução se for comunicada até 23 de Novembro de 2019 (inclusive).