Intervenção Psicológica nas Dependências. Com e sem substâncias

Novo 
Novo
Solicitada a acreditação à Ordem dos Psicólogos Portugueses
Destinatários 

Psicólogos
Finalistas de mestrado integrado de Psicologia ou de 2ºs ciclos de Psicologia (desde que habilitados com 1º ciclo em Ciências Psicológicas ou Psicologia)

Objectivos 

Identificar as consequências associadas ao consumo abusivo/dependente das substâncias psicoativas ao nível neuronal, psicológico, interpessoal social, e legal
Adquirir conhecimentos teóricos e práticos sobre avaliação, intervenção e prevenção com população em risco e/ou dependente
Compreender os fatores de risco de proteção para os comportamentos aditivos/dependências, com e sem substâncias
Promover competências de intervenção clínica, individual e em contexto grupal
Desenvolver programas de intervenção preventiva (primária, secundária, terciária e quaternária).

Competências 

Aplicar os conhecimentos sobre os aspetos psicológicos das dependências
Capacitar para a intervenção clínica, individual e grupal, com a população dependente
Aplicar competências específicas interpessoais às características da população dependente
Adequar a intervenção no âmbito da prevenção primária e secundária - O exemplo do Programa Life Skills Training (LST) - terciária e quaternária.

 

 

Programa 

Avaliação específica no âmbito das dependências
Abordagem das principais dependências com substâncias da actualidade
Características, efeitos e consequências. Critérios de dependências de acordo com o manual DSM 5. Sinais e sintomas de intoxicação e privação. Caraterização da tipologia de consumidores e de consumos. Comorbilidade psiquiátrica. Anamnese de consumos. Motivação para a mudança de comportamentos
Abordagem das dependências sem substâncias; A dependência online (Internet)
Características efeitos e consequências. Critérios de dependências de acordo com o manual DSM 5. Sinais e sintomas de privação. Comorbilidade psiquiátrica. Motivação para a mudança de comportamentos
Prática preventiva
Introdução Conceitos. Tipos de prevenção
Intervenção na prevenção Factores de risco e mecanismos de protecção. Selecção de participantes. Características dos programas preventivos
Intervenção específica no âmbito das dependências
Introdução Características de personalidade da população dependente. Alterações neuronais decorrentes do abuso de substâncias
Metodologia de avaliação psicológica
Modalidades de intervenção grupal com população dependente Modelo cognitivo-comportamental. Baseado no modelo Rational Emotional Behavior Therapy. Entrevista motivacional. Prevenção da recaída. Programas de tratamento com população dependente. Reflexão sobre as atitudes e crenças do psicoterapeuta.

 

Metodologias 

Exposição de conteúdos, role play, análise e discussão de casos práticos

Duração 

18 horas

Formadores

Carlos Filipe-Saraiva
Mestre em Psicologia da Justiça (FPCE, U.Porto). Psicólogo clínico no Estabelecimento Prisional do Porto. Criador e terapeuta dos programas de prevenção secundária e quaternária, aplicados na IPSS “O Companheiro”. Autor do livro de prevenção das dependências, "Drogas. Conhecer para prevenir"

Calendarização
Sábado, Março 9, 2019 - 10:00 - 13:00
Sábado, Março 9, 2019 - 14:00 - 17:00
Sábado, Março 16, 2019 - 10:00 - 13:00
Sábado, Março 16, 2019 - 14:00 - 17:00
Sábado, Março 23, 2019 - 10:00 - 13:00
Sábado, Março 23, 2019 - 14:00 - 17:00
Certificado 

Os formandos terão acesso a um certificado de formação em Intervenção Psicológica nas Dependências. Com e sem substâncias, desde que frequentem, pelo menos 5  sessões (90%),  uma vez que se trata de formação presencial

Inscrições 

Limitadas a 20 formandos

 

Totalidade: 155€

Fraccionado: 86€ x 2 mens

Local 

Lisboa

Diversos 

No acto de inscrição é necessário comprovar habilitações
Em caso de desistência só haverá lugar a devolução se for comunicada até dia 1 de Março de 2019 (inclusive).